fbpx

Marketing para fisioterapeutas: o que você pode fazer para divulgar melhor os seus serviços

Postado em

Você consegue imaginar um negócio nos dias atuais que não tenha um perfil em qualquer rede social? Meio difícil, né? Afinal, ter uma presença forte no mundo digital tem sido imprescindível para a comunicação entre marcas e consumidores. E isso não é diferente para os fisioterapeutas, pois muitos destes profissionais utilizam estratégias de marketing para se relacionar com seus pacientes e seguidores.

Segundo pesquisa publicada em abril de 2020, no Brasil mais de 74,4% da população tem acesso à internet, ou seja, 3 em cada 4 brasileiros utilizam a internet de alguma maneira. Por conta disso, ter uma marca ativa nas redes sociais e, claro, utilizando das estratégias corretas do marketing, você pode, ao longo do tempo, construir uma autoridade no nicho da fisioterapia.

Neste artigo iremos mostrar algumas estratégias de marketing que você pode adotar para seu negócio, para que possa se posicionar na internet e utilizar da melhor forma os canais e ferramentas disponíveis.

Fisioterapeutas podem promover seus serviços em meios de comunicação?

Primeiro é importante que você saiba que o Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (COFFITO) estabeleceu as regras de publicidade para fisioterapetuas nos artigos 46º ao 52º de seu Código de Ética.

Desta forma, é permitido ao fisioterapeuta promover publicamente serviços em meios de comunicação, online ou offline, desde que informe seu nome, nome da profissão e número de inscrição junto ao Conselho Regional Fisioterapia Terapia Ocupacional (CREFITO) de sua região. O fisioterapeuta pode ainda divulgar-se utilizando nome fantasia da empresa, logo ou logotipo próprios, desde que também informe o número de registro da empresa junto ao CREFITO.

Dito isso, agora que você sabe que o conselho da profissão permite a divulgação de seus serviços, desde que cumpra os requisitos, é claro, vamos falar das estratégias de marketing que você pode adotar para divulgar os seus serviços de fisioterapia.

Defina seu público-alvo

Uma das primeiras etapas de qualquer negócio, seja físico ou digital, é definir o público-alvo que se deseja alcançar. Para que assim todas as estratégias tomadas sejam pautadas no cliente ideal e as ações de marketing sejam mais assertivas.

De forma geral um público-alvo é a segmentação de mercado com a qual você estará se comunicando. Pois, por mais que você deseje, é impossível se comunicar com todas as pessoas. Até por isso a segmentação é tão importante, para que você não perca tempo e dinheiro para conseguir um paciente que não precisa de seus serviços.

Afinal, você não quer que uma pessoa com disfluência, por exemplo, procure seus serviços de fisioterapeuta, não é mesmo? Já que você não é habilitada para tratar o problema daquela pessoa.

Como definir o público-alvo para suas estratégias de marketing

Antes de iniciar o processo de definição do seu público ideal, você já deve ter estabelecido quais serviços oferecerá, para que assim não atraia o público errado para seu negócio, certo?

Bem, fisioterapeuta, caso ainda não tenha o seu público-alvo definido, precisa analisar o seu negócio e definir:

  • Quem são as pessoas que têm interesse nos serviços que oferece?
  • Qual sexo deste público?
  • Qual a idade das pessoas que deseja atender? Serão idosos? Crianças? Todas as idades?
  • Atenderei somente pacientes da cidade onde está meu consultório ou também atenderei de cidades vizinhas?
  • Qual o poder aquisitivo desse público?
  • E muitas outras questões que podem variar de negócio para negócio.

No momento de definir o seu público-alvo é importante que você esteja munido do máximo de informações possíveis, então quanto mais informação puder descobrir sobre seu público ideal, melhor.

Ao final deste processo, de seleção do público-alvo, você terá algo concreto para basear suas ações de marketing e conseguir novos clientes.

Redes sociais ativas e relevantes

O Facebook e Instagram registraram em 2019 mais de 130 milhões de contas de brasileiros criadas nas redes sociais. É um número estrondoso que mostra o quão conectados à internet as pessoas estão.

Logo, por mais que seja reforçar o óbvio, se você ainda não tem um perfil no Instagram ou Facebook, fica aqui a recomendação para que crie o quanto antes. Mas não crie apenas por criar, faça isso pensando em produzir posts interessantes e que possam levar conhecimento a seus seguidores.

A criação de conteúdo gratuito é mais uma forma de reforçar a sua marca como fisioterapeuta e mostrar que você tem conhecimento na sua área de atuação. Conforme seus post vão sendo úteis aos seus seguidores, eles podem se tornar seus leads e com mais nutrição podem tornar-se cliente.

Aposte em vídeos com duração média de 3 minutos que contenham informações importantes para seus seguidores. Busque responder o máximo de comentários ou mensagens privadas que receber, mostre atenção para ajudar em qualquer dúvida.

Há dois caminhos para crescimento nas redes sociais: o orgânico e os anúncios. As duas formas são corretas e não são excludentes.

  • Crescer organicamente: nada mais é de fazer o que disse dois parágrafos acima. É criar conteúdo relevante que leve conhecimento ao seu público-alvo. Ah! Usar hashtags é importante para que seus posts alcancem um número maior de pessoas.
  • Crescer com anúncios: é o uso de posts pagos direcionados para seu público-alvo que farão com que eles se interessem pela sua página e comecem a seguir você, por exemplo. Há uma infinidade de propósitos para anúncios nas redes sociais, como divulgar um serviço ou produto.

O Facebook e Instagram são ótimas ferramentas para encontrar o público específico de inúmeros negócios, por conta disso anunciar nessas redes sociais é tão eficaz. Pois diferente dos meios de comunicação tradicionais, essas redes permitem ao anunciante saber com exatidão quantas pessoas foram alcançadas e suas ações.

Tenha um blog com conteúdos para seu público-alvo

Você já teve uma dúvida e foi pesquisar a resposta no Google, certo? Nem de longe você é a única pessoa a ter feito isso, estima-se que por dia mais de 5,5 bilhões de pessoas pesquisam algo no Google.

Para cada tipo de pesquisa no Google (ou outros mecanismos de buscas, como Bing e Yahoo!) um infinidade de sites é mostrado para que o usuário possa encontrar a solução para o seu problema.

Quando um artigo em um blog é bom e responde a dúvida daquele visitante uma certa autoridade pode ser creditada ao site, afinal se alguém se dispôs a escrever sobre determinado assunto, algum conhecimento na área o autor tem.

Quanto mais dúvidas e problemas um blog ajuda a solucionar, mais as pessoas sentem confiança nele e, por vezes, compartilham em suas redes sociais.

Um fator importante a se levar em consideração para criar um blog é que os custos são baixos, pois você precisará apenas contratar um domínio e uma hospedagem de sites para seu blog.

Feito isso, você já poderá criar conteúdos que poderão ajudar seu público-alvo, podendo compartilhar o link de cada postagem nas suas redes sociais e também para os leads cadastrados no seu processo de inbound marketing.

Conclusão

Você já aplica alguma das estratégias de marketing para seus serviços de fisioterapia que apresentamos neste artigo? Fique à vontade para compartilhar conosco como tem sido a sua experiência em engajar seus clientes nas redes sociais.

E caso ainda não nos siga no Instagram, estamos sempre postando conteúdos relevantes por lá.

pt_BRPortuguese
en_USEnglish pt_BRPortuguese